Como montar seu prato de maneira correta e saudável?

segunda-feira, abril 08, 2013

Olá Lúcidas e Lúcidos, quem vos fala hoje sou eu a Lúcida Ana Claudia, eu sou da área da saúde e fazia algum tempo que eu não soltava nenhum post para vocês sobre esse assunto, e resolvi pesquisar e conversar com uma colega que é do departamento de nutrição do hospital em que trabalho, e ela me deu algumas orientações que hoje vim compartilhar com vocês!
Ao acaso vocês sabem montar um prato saudável?
Eu, respondi que sim quando essa minha amiga me fez a mesma pergunta (quando fui digamos: entrevistá-la), enquanto almoçávamos num restaurante do tipo “self-service” ela me pediu que montasse meu prato enquanto ela avaliava.
Pois bem comecei pelo buffet de massas e terminei com um tiquinho de saladas, e gente eu estava totalmente equivocada.  Coloquei meu prato na mesa, e ela pediu que eu a acompanhasse novamente ao buffet pois ela começaria a montar o seu prato e eu iria vendo como se monta um verdadeiro prato, e ela aproveitaria para me explicar o que estava fazendo e as quantidades.
Primeiramente ela foi para o buffet de saladas, e me explicou que dividiria seus prato em 4 partes, e  usaria duas partes (a metade) do prato verduras e legumes cozidos ( ela me disse que as verduras e legumes são fontes de antioxidantes, que ajudam a combater os radicais livres produzidos no nosso organismo; e que devemos ingeri-los diariamente). Depois disso ela falou que iria colocar carboidratos no prato e que eles só poderiam ocupar 1 parte do prato (os carboidratos são super importantes para termos energia para nossas atividades cotidianas) como carboidratos tínhamos o arroz e as massas (ela comentou que seria mais legal se optarmos pelos carboidratos integrais) e a última parte é da proteína ela sugeriu que quando a proteína for de origem animal (carne vermelha, frango, peixe etc.) deveria ser ingeridos  grelhados, assados ou cozidos, caso seja proteína de origem vegetal pode ser o nosso querido feijão. E ainda sim caso você queira consumir os 2 tipos de proteínas juntas, você deve dividir essa quarta parte em duas.



Aí gente, quando vi aquele prato todo harmonizado e todo certinho constatei duas coisas: fiquei com inveja, e descobri porque estou super acima do peso.
Outra coisa que fiz foi pedi um suco de laranja para acompanhar o almoço, e vi que ela não pediu nada. Almoçamos normalmente e depois então a questionei sobre bebidas durante a refeição e ela me deu outra dica: o ideal é nunca consumir bebidas durante a refeição e me disse que eu ainda tinha um ponto positivo, pois não estava tomando refrigerante (que bem sabemos ter grandes quantidades de açúcar ou sódio quando são de versões diet) e que o suco que pedi era sem açúcar.  E por que não é bacana ingerir líquidos nas refeições? Porque estes diluem o suco gástrico, e atrapalham todo o nosso processo digestivo.  O que não significa que não devemos tomar outros líquidos durante o restante do dia (principalmente “água”, para nos mantermos sempre hidratados).
E ainda mais sobre a digestão dos alimentos, minha amiga disse que devemos sempre mastiga-los bem, pois a saliva juntamente com as enzimas presentes nela, umidifica os alimentos e ajuda o bolo alimentar a seguir seu fluxo para o aparelho digestivo.

Espero que tenham gostados deste post, e se gostaram e querem mais posts informativos na área da saúde/nutrição, deixem recadinhos aqui ou mandem sua sugestão por e-mail (lucidezfeminina@gmail.com) com o tema e seu nome completo, eu mesma farei toda a pesquisa necessária e daremos um feedback esclarecendo sua dúvida.
Carol Ludievs, obrigada por toda colaboração e espero que você nos ajude mais vezes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nos conte o que você achou do post, adoramos receber elogios, críticas construtivas e sugestões de temas.