Grandes estilistas, grandes artistas

quarta-feira, outubro 29, 2014

Yves Saint Laurent, Coco Chanel, Oscar de La Renta, Louis Vuitton, Guccio Gucci e Christian Dior, o que eles tem em comum? São pessoas que utilizaram o seu talento e se transformaram em grandes estilistas. Mesmo com a morte desses grandes artistas, suas marcas continuam com um legado indiscutível.

Com a recente morte de Oscar de La Renta, me peguei pensando nos estilas que já se foram e que deixaram um grande legado, obras de arte através de suas roupas. Por isso, resolvi fazer uma série de posts contando um pouco da vida desses estilistas.

Como o post iria ficar muito grande, e sei que nem todos tem paciência pra ficar lendo, decidi falar de dois estilistas em cada post. Essa semana eu trago para vocês Yves Saint Laurent e Coco Chanel.


Batizado Yves Henri Donat Mathieu-Saint Laurent, o estilista francês foi um dos nomes mais significativos da alta-costura do século XX. Yves começou sua carreira aos 17 anos para ir trabalhar com o estilista Christian Dior. Aos 21, após a morte de Dior, assumiu o controle criativo da maison tendo o desafio de salvar o negócio da ruína financeira.

Yves Saint Laurente serviu no exercito e em 1976, voltando a sua vida social, saiu da Dior e criou a sua própria marca, YSL, financiado por seu companheiro Pierre Bergé. As iniciais "YSL" fizeram tanto sucesso que já nos anos 60 e 70 a marca se tornou conhecida pela sua elegancia e sofisticação.

O estilista foi o primeiro a popularizar o Prêt-à-Porter, moda de bom gosto e bom corte a preços mais acessíveis que a alta-costura, e também foi o primeiro a usar manequins negras em desfiles de moda.Em 2002 o estilista anunciou que ia deixar as produção da marca, e em 2008 veio a falecer aos 72 anos.








_______________________



Gabrielle Coco Chanel veio para reiventar o visual da mulher, principalmente a partir da segunda guerra mundial. Ela introduziu no guarda-roupa feminino peças masculinas, como as calças, e criou o famoso "pretinho básico". Chanel começou as suas criações a partir dos chapéus, abrindo sua primeira loja com a ajuda de Arthur Capel, o grande amor de sua vida.

Em 1910 além da criação de sua primeira loja de chapéus, ela também abriu a sua primeira casa de costura. Em 1921, criou o perfume que iria virar o queridinhoo da mulherada o Chanel Nº5. Ele ganhou esse nome porque foi apenas na quinta fragrância que foi apresentado para Coco, que à agradou e por ser o seu algorismo da sorte.

Falecida em 1971, Coco Chanel ganhou não só a admiração da ex-primeira-dama Jackie Kennedy, mas de uma legião de mulheres. Atualmente a marca Chanel não produz só roupas, mas também bolsas, maguiagens e até cortes de cabelo.










E vocês meninas, o que acham desse grandes estilistas?

Beijos, beijos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nos conte o que você achou do post, adoramos receber elogios, críticas construtivas e sugestões de temas.