Pode vir 2016

segunda-feira, janeiro 04, 2016

Como de costume estou eu, aqui, escrevendo os meus planos para esse ano que está chegando. Na verdade, dessa vez, eu fiquei na dúvida se elencava o que eu quero realizar em 2016 ou deixava que Deus, o futuro, as coisas fluíssem na sua maneira e me surpreendesse como me surpreendeu em 2015. Decidi fazer os dois, porque eu adoro pegar um papel e caneta e anotar o que quero realizar nos próximos meses e, claro, deixar essa lista em aberto para que novas coisas aconteçam, sem previsão e bem melhor do que eu tinha planejado.

Não posso negar que 2015 foi um ano difícil, de notícias ruins e de tragédias inesperadas, mas, especialmente pra mim, ele foi um dos melhores anos da minha vida. Realizei o sonho de fazer um intercâmbio, ganhei uma nova família, novas amigas, novas experiências de vida e acabei me transformando em uma nova Gabriella. Meu namoro deu um start que pegou eu e o Roberto de surpresa, mas que só fez bem para a nossa relação. Criei novos vínculos, resolvi questões mal resolvidas, sorri mais, sonhei mais, acreditei mais. Não, não foi um ano perfeito, mas as coisas que me aconteceram - e que eu deixei que acontecessem - acabaram contribuindo para ótimo ano.



Para 2016 eu quero tudo isso e muito mais. Quero ser surpreendida com novos trabalhos, novas conquistas e novas aventuras. Quero amar mais, sonhar mais e distribuir mais sorrisos. Quero me permitir um fim de semana de descanso, uma cerveja gelada durante a semana e poder comer sem culpa. Quero conhecer mais lugares, mais pessoas e novos mundos. Quero me aventurar mais e a cada dia sentir aquele frio na barriga de que algo novo está acontecendo.

Mas eu não quero isso só pra mim não, quero para todas as pessoas que estão ao meu redor, para minha família, meus amigos, namorado, professores, chefes e com quem mais eu me relacionar daqui pra frente. Nesse ano que se inicia desejo uma chuva amor e que ele possa transbordar em nossos corações. Que não nos falte dinheiro para as futuras viagens, e se faltar, que isso não nos impeça de botar o pé na estrada. E a saúde? Que ela continue firme e forte, mas com os devidos cuidados, ok?

Que Deus aumente a nossa fé a cada dia mostrando que basta apenas confiar e deixar tudo em suas mãos, porque Ele se encarrega do resto.


Beijos, beijos e um ótimo 2016. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nos conte o que você achou do post, adoramos receber elogios, críticas construtivas e sugestões de temas.