Tudo que você precisa saber sobre Nutrição - Entrevista com a Nutricionista Carolina Berger | por Ana Claudia Teixeira

sábado, janeiro 30, 2016

Hoje trouxemos a nutricionista Carolina Berger para responder tudo que você e todo mundo queria saber sobre nutrição numa entrevista super dinâmica! Recebemos perguntas de leitores através do Instagram e, até nós Lúcidas, fizemos nossas perguntinhas!
Confira agora a entrevista na íntegra:

L.F.: Quem é a Carol Berger?
N.C.B.: Nutricionista formada pelo Centro Universitário São Camilo, atualmente possuo consultório em São Paulo (na zona sul) e em Casa Branca (interior de São Paulo) e em ambos faço o atendimento com foco em emagrecimento, qualidade de vida, nutrição esportiva e nutrição específica para portadores de alergias alimentares.

L.F.: Quais as principais funções do Nutricionista?
N.C.B.: A nutricionista de modo geral pode trabalhar em cozinhas industriais, lojas de produtos naturais, consultórios, academias, além de atuar nas áreas de saúde pública e docência.

L.F.: Nutrição esportiva o que é? E o que a diferencia da nutrição tradicional? (Via Leitor)
N.C.B.: A nutrição esportiva, basicamente se refere a mudanças no consumo alimentar, devido a uma maior necessidade nutricional, por uma atividade física diferenciada, seja ela por finalidade estética, melhorar a qualidade de vida ou atletas, todos precisam de um acompanhamento de um profissional de nutrição esportiva para adequar a sua dieta de acordo com as suas necessidades específicas.

L.F.: Quais são as perspectivas futuras da profissão?
N.C.B: A nutrição é a profissão do momento e do futuro, pois devido às diversas doenças que surgiram atualmente, já se sabe a nutrição poderia ter prevenido essas como também pode ajudar a trata-las agora que já estão instaladas. As pessoas de alguns anos para cá já estão compreendendo que somos o que comemos.

L.F.: Qual sua avaliação do atual mercado de trabalho para o nutricionista?
N.C.B.: Perfeito, temos muito campo para atuar, e justamente por conta da procura decidi montar mais um consultório, agora aqui em São Paulo.

L.F.: Sou estudante de nutrição (1° semestre) e por muito tempo só conhecia o nutricionista e há pouco tempo conheci a especialidade médica "nutrólogo" ?
Queria saber se é algo como psicólogo e psiquiatra na questão de prescrição de fármacos e a onde termina o trabalho de um e onde o trabalho do outro começa e se eles chegam a trabalhar em parceria ?
(Via Leitora Aline Santana)
N.C.B.: Não, de maneira geral nós não trabalhamos em parceria, normalmente o paciente prefere ou o nutrólogo que é médico e se especializou em nutrição, ou o nutricionista.
O que mudará de uma conduta para a outra é que por ser médico ele tem algumas “regalias” a mais, por exemplo nós nutricionistas não podemos prescrever alguns hormônios, o médico pode, nós não podemos diagnosticar diabetes, o médico pode e essas são basicamente as alterações.

L.F.: Porque é necessário que um nutricionista acompanhe uma dieta ou reeducação alimentar?
N.C.B.: Pois cada indivíduo tem a sua necessidade, dietas de sites ou revistas podem ajudar para uma gama pequena de pessoas, já para a maioria das pessoas esses podem ser mais ou menos do que precisamos, e o nutricionista consegue balancear para lhe oferecer exatamente o que o seu corpo exige.

L.F.: Sobre alimentação sem glúten, lactose o que a nutricionista Carolina Berger tem a dizer ? Porque você defende esse tipo de alimentação ou porque você é contra?
N.C.B.: Defendo a alimentação sem glúten e sem lactose, pois esses não nos fazem bem, pois podem aumentar inflamações, aumentar secreção de muco, retenção de líquidos e até mesmo o ganho de peso. Não sou a favor do radicalismo, atendo e não tiro o glúten e a lactose de todos os pacientes, tiro dos pacientes que apresentam sintomas relacionados ao consumo desses alimentos, além disso avalio se o paciente conseguirá financeiramente excluir esses itens da alimentação, uma vez que essa exclusão encarece o custo das refeições.

L.F.: Ainda sobre glúten na sua opinião porque há tanta divergência entre os nutricionistas onde tantos são a favor da restrição e tantos outros são contra ?
N.C.B.: Tanto os que são a favor quanto os que são contra estão embasados em artigos científicos. O que avalio sobre isso, os artigos em nutrição são muito superficiais, nada é muito profundo a ponto de instituir apenas uma certeza, e até pelo fato de cada indivíduo ter sua particularidade, cada individuo responde a estímulos de uma forma diferente, causando várias diretrizes durante o atendimento.

L.F.: O novo assunto do momento é a dieta PALEO o que é?
N.C.B.:Nessa dieta só são permitidos alimentos como vegetais, proteínas animais, frutas e gorduras de boa qualidade como azeite. Cortando alimentos como carboidratos que são essenciais para a produção de energia.


L.F.: Porque todo mundo quer comprar o sal rosa do Himalaia? O que o difere do sal tradicional?
N.C.B.:O sal do Himalaia tem mais nutrientes e mineiras além de ter menos sódio o que evita a retenção de líquidos.

L.F.: Como confiar nas marcas hoje no mercado? Uma diz menos sódio, mas tem um caminhão de açúcar ? Você arriscaria indicar alguma marca?
N.C.B.: É infelizmente, temos que confiar nos rótulos que as empresas nos disponibilizam. O segredo é olhar o rótulo como um todo, mesmo caso esteja buscando um produto com menos sódio, quanto menos açúcar e gordura saturada e trans ele tiver, mais saudável ele será. De modo geral os produtos do Mundo Verde em sua grande maioria seguem a regra de composições saudáveis.


L.F.: Ouvi dizer que a tapioca é produto natural sem glúten e sem lactose, porém com um alto teor de açúcar, sendo assim por que é tão indicada? (Via Leitora Bruna Almeida)
N.C.B.:Na realidade a tapioca tem pouca fibra, causando absorção mais rápida e favorecendo os picos de açúcar no sangue. Ela está sendo muito indicada exatamente por não ter glúten e lactose na composição, o segredo é incluir chia e linhaça (alimentos fibrosos) acrescentando a ela a fibra que ela naturalmente não tem.

L.F.: O que você acha dos App's para ajudar no consumo de água e no controle alimentar para quem está fazendo dieta? Indicaria algum?
N.C.B.:Nunca usei nenhum aplicativo desses, portanto prefiro não indicar
Acredito que ajuda sim, principalmente no consumo de água, que muitas pessoas esquecem de tomar, já no caso alimentar fica mais complicado, pois ele não consegue calcular a risca o quanto você precisa e a que momento precisa.

L.F.: Que avaliação você faz da cultura alimentar da população paulista? 
N.C.B.: Nós temos uma cultura alimentar que foi estruturada erroneamente, somos acostumados a consumir sempre mais do que precisamos, e nos presenteamos sempre com alimentos, por exemplo: fui promovida vamos sair para beber e comemorar, aniversário de namoro vamos sair para comer ou então estou correndo no trabalho e não consegui almoçar então no jantar comerei tudo o que gosto, nesses casos sempre a comida está relacionada a uma sensação de bem estar, sempre relacionada a alto consumo e escolhas alimentares não saudáveis.

L.F.: Você é a favor do dia do lixo na R.A ou acha que não pode jacar de jeito algum? E quando jaca senta na calçada e chora ou faz um detox e retorna para R.A?
N.C.B.:Sou super a favor da refeição do lixo, o dia inteiro já acho muito kkkk, porém muitas pessoas quando estão focadas em uma reeducação alimentar, quando interrompem o foco dificilmente retomam com a mesma garra.
Quando a refeição extrapolar o que estava previsto, não se sinta culpada, pois a culpa gera ansiedade e a ansiedade causa compulsão alimentar, fazendo você comer mais ainda e normalmente alimentos não saudáveis, sempre pense em balancear, se extrapolou agora controle em outra refeição.

L.F.: Já ouvi dizer que no mínimo temos que tomar 2L de água diariamente, já ouvi também que cada corpo precisa de uma quantidade, que muita água também faz mal? Como eu sei o quanto devo ingerir de água por dia ? (Via leitora Ana dos Santos Sousa)
N.C.B.:A quantidade correta de água é 35mL para cada Kg de peso, por isso pode variar de pessoa para pessoa, por exemplo uma pessoa com 75Kg precisa ingerir 2,6 litros (incluindo não só água, mas sucos também).

L.F.: Eu faço R.A, mas não gosto de gastar, aliás quem gosta? Então recentemente optei por comprar minhas comidinhas em packs pelo site Natue? Você o conhece e o indicaria ou na máxima de emagrecer gastando pouco você indicaria algum outro site ou lugar pra comprar coisa bacana sem gastar muito? (Via Lúcida Ana Claudia)
N.C.B.:Esse é um site legal devido a praticidade, mas na zona cerealista e em algumas promoções você consegue produtos com ótimos preços, o segredo é sempre passar nas lojas e comprar aos poucos os produtos que estão em promoção.

L.F.: Que conselho você daria para as pessoas viverem melhor nos dias atuais?
N.C.B.:Moderação, tanto o fanatismos por um corpo perfeito como fanatismo por fast-foods,  ambos não nos trazem qualidade de vida, balancei suas escolhas  e seja feliz, a sensação de bem estar lhe trará menos ansiedade e com isso as escolhas serão conscientes.

Carol que já foi colaboradora aqui do LF também respondeu às perguntas que vocês deixaram no Instagram, então se vocês quiserem conferir as perguntas respondidas pela Carol basta acessar o Instagram @lucidezfeminina e conferir os comentários dessa foto aqui: 



E aí se animaram para começar uma reeducação alimentar e ter uma vida saudável ou ainda tem dúvidas ?
Ficam aqui os contatos da Nutricionista Carol Berger:
E-mail:  carolbergers@uol.com.br 

Esperamos que vocês tenham gostado e até mais!






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nos conte o que você achou do post, adoramos receber elogios, críticas construtivas e sugestões de temas.