Com que biquíni eu vou?

terça-feira, dezembro 27, 2016

Ah, o verão. Aquela época maravilhosa de calor, de roupas femininas menores, corpos à amostra, bronzeados incríveis e cenário de muitas histórias inesquecíveis. Para quem é fã de praia, esta é a estação perfeita para desfilar os biquínis da estação.
Um dos termômetros de tendências beachwear no Brasil é o SPFW, onde os estilistas trazem referências de fora, mas com aquele toque de brasilidade que é a nossa cara. Mas, claro que, não adianta ditarem as tendências se elas não forem para as ruas, neste caso, as praias.
E vou te contar uma coisa: esse verão está com peças super democráticas. Aposto que você vai encontrar um biquíni perfeito para aproveitar o solzão que vem aí com tudo nas praias, piscinas e balneários brasileiros.
É por isso que selecionamos as principais tendências de biquínis para o verão 2017 que saíram da passarela para invadir os corpos das mulheres brasileiras.
Cava alta
A moda tem dessas coisas. Depois de fazer tanto sucesso na década de 80 e imortalizado no corpo da atriz Pamela Anderson, o famoso asa delta volta a ser tendência neste verão, seja em maiôs ou biquínis.
Os modelos cavados são ótimas opções para mulheres que querem dar a impressão de ter o quadril mais largo e o bumbum maior, pois a cava mais alta deixa essa região do quadril bem mais exposta, parecendo ser maior do que realmente é.


Tomara que caia
As peças em tomara que caia fazem uma linha mais street style e também aparecem com força nos biquínis do verão 2017. Então se você é dessas que não curte muito os modelos com bojo ou meia taça, pode se jogar nessa tendência com tranquilidade.
As faixas são super seguras para quem tem pouco busto. Já para quem possui bastante, é melhor avaliar com cautela esta opção, porque pode se tornar um tanto incômodo pela falta de sustentação do tomara que caia.

biquíni

Handmade
Peças com detalhes artesanais como crochês e outros acabamentos feitos à mão como franjas e argolas aparecem neste verão em evidência e podem ficar ainda mais elegantes em produções para aquelas festas na beira da praia.
Os modelos em crochê podem ser coloridos ou em cores como areia ou tons terrosos para fazer um efeito orgânico. Para as mulheres mais voluptosas, as tramas de crochê podem ser mais grossas para dar um efeito harmônico.
As franjas fazem toda a diferença no look do verão e podem ficar bem em todos os tipos de busto. Elas podem ser usadas tanto para dar volume quanto para tirar. Quem quer dar volume na área do busto pode escolher um modelo com franjas mais grossas e cheias. Já para diminuir o volume, pode usar franjas finas e em menor quantidade.

biquíni
Tons Terrosos
Aliás, os tons terrosos estão em alta neste verão. O mais bacana das cores terrosas é que elas ajudam a dar maior destaque ao bronzeado. O segredo é conseguir fazer uma bela combinação entre o seu tom de pele e a cor do biquíni.  Então, pode apostar peças em tonalidades terrosas para looks modernos.

biquíni
Estampas e cores fortes
Mas, como dissemos, a marca registrada do verão 2017 é a pegada democrática. Se você acha que verão é sinônimo de estampas e cores vibrantes, fique tranquila que o seu lugar ao sol está garantido. Seguindo a tendência do verão passado, as estampas étnicas, tribais, com cores vibrantes e contrastes ainda serão sucesso nesta estação. Pode abusar!

biquíni
Cropped
Por falar no verão passado, olha só o que ainda está com tudo: o biquíni cropped. Agora sem as mangas longas e com suas versões em crochê e tons terrosos, o cropped ainda divide espaço com as cores fortes da estação passada. Esse tipo de biquíni é maravilhoso para quem pratica esporte como vôlei de praia ou o surfe, pois dá mais segurança ao busto. Ele cai muito bem em pessoas com bastante busto, porque acaba disfarçando o volume.

biquíni

Hot Pants
As Hot Pants também ganharam uma cara nova no verão 2017. Com as laterais bem mais cavadas, essa modelagem ainda é uma das preferidas de muitas brasileiras. Quem gosta de fazer o estilo retrô pode optar por peças com estampas que contrastam o preto com branco.
Para quem adora as hot pants para esconder a barriguinha ou disfarçar a gordurinha, vale investir em modelos mais escuros e com estampas grandes. Lembre-se que as hot pants cavadas evidenciam a área do quadril.
biquíni

Como você pode ver, os biquínis da estação mais quente do ano estão super versáteis e democráticos. Com tantas opções de modelos, cores e combinações, certamente será fácil encontrar o modelo perfeito para o seu corpo. Alguns deles vocês encontram no site da Amaro. E ai, qual o seu preferido?


*O texto foi sugestão de pauta da loja Amaro e foi publicado no blog por seguir a nossa linha editoral. Não estamos ganhando nada. 

Da Gabriella de 2016 para a de 2017

sexta-feira, dezembro 23, 2016


Ei, faltam alguns dias para o ano acabar e hoje vim te dizer que você foi incrível neste ano que passou. Você começou 2016 de uma forma diferente, ao lado dos ciganos e finalizando as filmagens do seu documentário. Fiquei sabendo que foi uma experiência única, com pessoas únicas e aprendizados únicos. No mesmo mês você também completou quatro anos de namoro e viu que não é preciso grandes comemorações pra celebrar essa data.

Em fevereiro você teve o prazer de ser madrinha de casamento de uma das suas melhores amigas e mudou o cabelo radicalmente, de morena foi para ruiva. Março você passou por uma crise existencial e fiz a primeira apresentação do TCC 1. A nota foi dez. Parabéns. Abril,, maio e junho foram meses que a palavra "dormir" não entrou no seu vocabulário. Último semestre da universidade, finalização do TCC e aquele frio na barriga do que ia vir depois.






Julho você participou de um treinamento mara, defendeu o TCC 2, foi aprovada com muito glamour e algumas das pessoas mais importantes comemoram com você essa vitória. Agosto você foi contrata, recebeu o desafio de tomar conta de um projeto de Empreendedorismo, viajou em Setembro pra Porto Alegre, descansou, saiu, bebeu, dançou e agradeceu todos os dias por Deus ter acalmado o seu coração quando estava preocupada, por te dar forças nas horas ruis e por te presentar todos os dias com algo novo.


E sobre as coisas ruins, 2016 foi o ano que as piores lágrimas foram de medo, que não saber se está fazendo a coisa certa e por ter magoado uma pessoa especial. Mas você conversou, pensou, repensou, decidiu, entrou no consenso e tudo voltou a ser o que era. E amor em? Foi cheio de aprendizagem (com algumas lágrimas também) e de certezas.





E como uma boa virginiana, você já escreveu seus planos para 2017 o que deseja realizar, quais sacrifícios terá que fazer, o que quer ter, fazer e dar. Mas hoje, a Gabriella de 2016 quer te desejar tudo que há de mais lindo nesse mundo e pedir pra que você tenha calma. Com a vida, com os planos, com o trabalho, com a sua mãe, com o Roberto, com as amigas e principalmente com os outros.

Que no ano que vem você controle suas finanças, dê um ok em todas as metas, volte a se exercitar, volte para o inglês, cuide da saúde, realiza as viagens que já vem planejamento, mude de cabelo (de novo), mude de pensamentos (pra melhor) e que continue distribuindo sorrisos.

Até 2017.

#Livro: Cien años de soledad

terça-feira, dezembro 06, 2016

Depois de quase três meses ledo Cien años de soledad (Cem anos de solidão), finalmente consegui termina-lo. A demora foi porque a edição que comprei está em espanhol (trouxe da Colômbia) e quando comecei a ler, meu vocabulário ainda estava muito pobre (não que ele tenha melhorado muita coisa, mas já posso me jogar em outros livros em espanhol).




Sobre a experiência de ler um livro em outra língua é maravilhoso e desafiador. Durante a leitura pensei sim, em desistir, mas a minha persistência foi mais forte. E Cien años de soleda é aquele livro que faz você querer ler sempre mais uma página ou capítulo. Ele conta a história da família Buendia, desde os precursores da linhagem até os dias atuais (do livro). A única personagem que teve uma vida longa foi Úrsula, que vivencia a geração dos filhos, netos, bisnetos e trinetos. Ela que ao longo da obra vai mostrando ao leitor as características dos José Arcadio e dos Aurelianos.

Cien años de soledad mostra como cada geração é afetada pela anterior e como que alguns personagens tentam (mas não conseguem) dar outros nomes aos seus filhos, mesmo sabendo que no final a criança será um Arcadio ou um Aureliano. O autor, Gabriel Garcia Márquez (também conhecido como Gabo), descreve guerras, ciganos, descobertas de novas terras, assassinatos, traição, dedicação, amor, entre outros, a partir da cidade fictícia de Macondo.


Livro


Cien años de soledad é considerada uma das obras mais importantes da literatura latino-americana. Então, se você ainda não leu já pode colocar colocar como meta pra 2017. E quem já leu, o que achou?

Beijos, beijos


Livro

#Inspiração: Cortes curtos para cabelos cacheados

sexta-feira, dezembro 02, 2016

Olá pessoas bonitas,

Dezembro chegou e eu me propus um desafio: ficar um mês com os cabelos naturais. Pra quem não sabe o meu cabelo é cacheado e eu vivo fazendo escova, porém de um meses pra cá, meu secador queimou e como estou ruiva percebi que quando eu deixo ele natural, o cabelo fica mais bonito e hidratado. Como não estou em momento economicamente favorável e ficar um mês com os cabelos naturais está no projeto 101 em 1001 dias, resolvi fazer isto este mês. Por isso, se preparem que esse mês só terá fotos minhas de cachos (olha o apoio ai galera!).

Por conta do desafio já comecei a pesquisar diversas coisas sobre esse mundo, como por exemplo, qual é o meu tipo de cacho, penteados, cortes, produtos, entre outros. Por ser uma viciada em cortar o cabelo uma das coisas que aprendi, é que o cabelo cacheado não pode ser cortado reto, ele precisa de algumas camadas para que os cachos fiquem definidos para dar um volume e, assim, ornar com o seu tipo de rosto.

Como estou com os cabelos curtos - e sei que muitas meninas têm vontade de cortar nesse cumprimento, mas tem medo de ficar feio - trouxe algumas inspirações de cortes curtos pra quem tem cabelo enrola.






Inspiração


Inspiração


Inspiração


Inspiração


Inspiração


Inspiração


E ai, já deu vontade de soltar as madeixas?

Beijos, beijos


cacheados