Primeiras Impressões de Resident Evil II e Sekiro - Preview BGS 2018

quinta-feira, outubro 18, 2018



Colab Gamer

Resident Evil 2

Remake de um clássico dos anos 90 que marcou gerações no estilo survival horror.
Este remake pelo que pude avaliar manteve todo o ambiente que tinha sido explorado no primeiro game, com algumas alterações na história, mas sem perder o ingrediente principal .
E mesmo com as mudanças nos jogos e filmes de hoje onde o zumbi tem uma agilidade maior justamente para servir como um gatilho de "medo e suspense" o game manteve os clássicos zumbis, com movimentos slow,  mas aumentaram a resistência deles.
Jogo com grande imersão e que vale muito a pena para jogadores antigos e novos.
A Capcom acertou em cheio e que venha mais remakes da franquia.


Inclusive valeu Yoshiaki Hirabayashi, foi foda conhecer o jogo em primeira mão e que venha janeiro para gente jogar na íntegra.

Sekiro Shadows Die Twice



Game da empresa FromSoftware conhecida pela série Dark Souls e Bloodborne, segue a mesma linha de dificuldade que atrai milhares de fãs, porém com uma nova ambientação oriental (o jogo se passa no Japão de 1500  - Período Sengoku onde a brutalidade imperava).
Uma experiência de jogabilidade nova onde o personagem não tem a barra de Stamina, mas sim uma barra de resistência onde se realizar parry no momento exato te garante a quebra da defesa do adversário, porém se for executado de forma errônea a sua defesa é retirada servindo de oportunidade para ambos player e NPC uma possibilidade de golpe crítico, e outra diferença é um jogo Offline sem Coop.
Mas acreditamos que essa mudança deixou o game com uma diferença dos outros jogos "SoulsBorne" e trazendo um modelo novo que irá atrair mais fãs para essa empresa que fez história com games de grande dificuldade, outra coisa que me deixou impressionado foi a velocidade do jogo.
Já aviso vocês terão trabalho com o clã Ashina.
 A fila no stand da Activision que é quem distribui o jogo estava foda, mas valeu toda a espera. Ansioso para março.

Por Bruno Blotta

Fomos na BGS - Brasil Game Show 2018

segunda-feira, outubro 15, 2018

Yayyy, fomos a 11ª edição da Brasil Game Show e tô felizona, pois tivemos a oportunidade de conhecer vários lançamentos de jogos e tecnologia pra quem joga, além de ver vários Cosplays maravilhosos, conhecer pessoalmente criados, gamers e youtubers dos quais somos fãs (tô falando no plural pois como lúcida represento a Mari e também porquê fui com dois colaboradores que são gamers).


Enfim foi incrivelmente maravilhoso colocar minha nerdisse em prática.

Vou segmentar as coisas começando pela feira que teve início no dia 10/10 (quarta-feira) e se estendeu até dia 14/10 (domingo):

O início - A quarta-feira foi especialmente voltada para imprensa, ou seja, teve enfase em lançamentos.
Os ingressos - estes foram vendidos em lotes e quem se adiantou pagou um preço bacana, em relação a quem deixou pra cima da hora.
Organização - porém acho que poderia  ter uma organização ainda melhor, sinal 4G no Expo Center Norte não é dos melhores, por isso a organização dos eventos que ocorrem lá na maioria das vezes se preocupam em fornecer wi-fi para os visitantes, portanto fica dica BGS.

Parcerias - A BGS fechou parecerias bacanas no que diz respeito a transporte rodoviário, aéreo e hotéis (a BGS pra quem não sabe é a maior feira de games da América Latina), tinham bastantes descontos, além de translado que saia dos arredores da rodoviária do Tietê e levava os visitantes até o evento.

Aplicativo - com mapa, programação, lista de expositores, talks, entre outras facilidades.

Marcelo Tavares que é CEO e founder da BGS foi especialmente feliz em trazer grandes nomes como Yoshiaki Hirabayashi e Michiteru Okabe - nada mais nada menos que os produtores de Resident Evil II e Devil May Cry 5, imagina só você poder ver de perto esses grandes nomes do vídeogame?

Ahh e já vou dando um pequeno spoiler que vem mais post sobre o Resident Evil - um review bacana na perspectiva do nosso colab Bruno Blotta.

Eu também tive meu momento fã e fui conhecer de pertinho Alice Gobbi no stand da Activision enquanto ela dava um show no super lançamento de Call of Duty Black OPS 4 <3 (um adendo pra falar que eu amo Call of Duty e que OPS 4 está com um gráfico incrível daqueles de fazer despertar a vontade de jogar em qualquer um), mostrei as batalhas  nos stories.

Agradecimento especial de uma Piti Fã ao Vinícius e Felipe fundadores da Piticas que nos recebeu no stand da marca e de quebra nos presentou com alguns mimos.

BGS estou encantada com o tamanho e a dinâmica deste evento, sabe quando a gente fica sem sabar por onde começar? Pois é fiquei assim e já estou ansiosa pela BGS 2019.



Valeu a pena essa fila <3






Clau